domingo, 29 de março de 2009

Os melhores momentos de Orlando

Fui pra Orlando pela primeira vez quando tinha uns quinze anos. Dos 15 aos 20 devo ter ido uma vez por ano, ou até mais, aí cansei da Flórida e fiquei esses quase 10 aninhos sem ir.
Cheguei lá achando que ia ser divertido, sim, mas meio repetitivo, afinal os parques são sempre os mesmos, certo?
ERRADO!
Os parques, em 10 anos, inventaram MUITAS atrações. Tem muita coisa diferente, muita coisa divertida. Fiquei apaixonada por muitos desses brinquedos, como o Soarin no Epcot e o Hulk no Islands of Adventure, novíssimos.
Enfim, vamos lá pras top 3 fotos, escolhidas com muito carinho (e muita dificuldade).

1) Essa aqui pra mim representa a libertação. Cheguei na Disney topando, sim, ir em montanhas russas, com a condição que não virassem muito de ponta cabeça e não fossem daquelas que você vai com os pezinhos balançando.
No segundo dia, já joguei toda essa babaquice fora e fui no Hulk e na Dueling Dragons na Universal, amei tanto que queria ir mil vezes, não parava de falar no assunto.


Mas a top aceleradora de batimentos cardíacos foi essa: Kraken, no Sea World. Na primeira vez, saí rindo muito por ter visto pontinhos coloridos em alguns pedaços do trajeto e por não ter conseguido gritar suficientemente na primeira queda. Obviamente, quis tentar de novo (depois do almoço, mas tudo ok) pra ver se iria conseguir gritar depois de conhecer o que ia acontecer.
Não, eu não consegui...

2) Eu adoro o Mickey, mas... meu parque predileto sempre foi a Universal. Ainda mais agora, com o Islands of Adventure!


Não sei por que, acho a Universal mais charmosa, mais arrumadinha, mais interessante. De cara os personagens lá foram muuuuuito mais simpáticos do que os da Disney (o Mickey, por exemplo, fugiu da gente até o último dia).
Meus prediletos foram: os Simpsons (onde era o famoso De Volta Para o Futuro), a Múmia (fomos duas vezes), o E.T. (que provavelmente acabará em breve), o Shrek, o Hulk e a Dueling Dragons.
Agora entrei no site deles e descobri que logo vamos ter que voltar lá! O Hollywood Rid, Ride, Rockit parece o tipo de brinquedo que me enlouquece... Ainda nem abriu e eu já quero ir!

3) Porque o bom mesmo da Disney é ser criança!
Mesmo tendo ido pra lá pra comemorar nossa entrada na casa dos 30, não tem como não ser criança feliz na Disney!
As musiquinhas, as compras, a mágica, o clima... tudo te leva para aquele mundo perfeito, colorido, de paz, de alegria.
Mesmo com duas amigas super conscientes no grupo (vegetarianas e tudo mais), eu e a Jú não resistimos e fizemos a festa nas guloseimas infantis!


O algodão doce azul que vinha ensacado, o cone gigante de jujubas, os chocolates de todos os tipos, refrigerante no café da manhã, Goldfish a toda hora, mac and cheese, hot dog (do Nathans), Sbarro, donuts e até Taco Bell... Uma delícia!
Isso sem contar os passeios aos supermercados. Nada melhor do que ficar perdida entre aqueles corredores cheios de coisas diferentes... Não só as comidas, mas as utilidades domésticas, a papelaria e, as seções mais amadas: as maquiagens e os remédios!

Bom, vou parando por aqui porque já está me dando muita vontade de viajar...
Qualquer hora posto mais sobre o resto da viagem: a cidade dos velhinhos milionários, a minha ação mais besta como turista e a praia que ferve...

-Deus, se não for atrapalhar, me manda americana na próxima encarnação? Se for na Flórida, melhor ainda!

3 comentários:

July Malta disse...

Ai que delícia!!!
Eu não posso dizer o quanto eu amei essa viagem, com tudo de muito divertido que fizemos.. Os parques, os passeios, as compras, os drink + something, tudo tudo tudo.
Obrigada pela companhia e vamos marcar outra logo, POR FAVOR!

Paula disse...

Ai, que delíciaaaaa!
Na próxima viagem eu vou entrar na mala e ir junto...
Quero comer porcarias, comprar muitos remedinhos e passear por aquelas avenidonas loucamente!
Bjos

Carol Mafra disse...

Amiga, seu post me deu uma vontade louca de voltar, vou olhar uns pacotes. A final de contas, tem 15 anos que fui (como envelheci)