terça-feira, 25 de novembro de 2008

Liberdade!


Bom, depois do meu último post rural, acho que fiquei devendo pra minha cidade uma demonstração de carinho, ainda que pequena.

Tem muitas coisas em São Paulo que não têm preço: ter de tudo a qualquer hora, tudo delivery, tudo ao alcance (quando o trânsito permite), todo tipo de gente, todo tipo de diversão, etc e tals...

A Liberdade pra mim é uma dessas "coisas" que não tem preço.
Muito antes de eu nascer, meu avô tinha um apartamento lá, bem na praça (e ele era árabe, tá?).
Quando criança, as luminárias me encantavam! Adorava passear lá com meus pais, comprar doce de feijão e comer yakisoba no meio da feirinha.

Hoje visitei o bairro com algumas outras intenções:

-Ikesaki: paraíso de quem gosta de cosméticos, cremes, sabonetes, shampoos e esmaltes (muito meu caso). Tudo barato e em abudância!
-Bakery Itiriki: que hoje não foi tão legal, porque tô tentando começar um regime! Aqueles pães e doces ao alcance das mãos me fizeram sofrer um bocado.
-Papelarias: simplesmente enlouqueço! Papéis, cadernos, pastas, borrachas, canetinhas... Ai!
-Supermercados: com todas aquelas comidas que eu não faço idéia do que são, os doces japoneses, os chicletes e balas deliciosos, o suco de uva verde que eu AMO e agora os picolés Melona (me permiti esse deslize, tava calor, caramba!)

Adoro passear por lá!
Só a minha conta bancária que não gostou tanto...

5 comentários:

July Malta disse...

Ah.. vc esqueceu da companhia das amigas!!!
Eu adoro a Liberdade, tudo diferente, novidade, as cores, formas e cheiros.
Tudo tão perto e ao mesmo tempo tão longe.

Marcelo disse...

O supermercado Marukai é o maior e melhor de lá, mas tem tantas lojinhas onde dá para achar cada coisa... Problema é que nas menores não falar japonês acaba sendo um problema...

Fernanda disse...

Ai que delícia!
Tbém adoro esse passeios!
Na companhia das meninas, então, deve ter sido priceless.
Amoooooooo!!

beijos

Clarissa disse...

eu estudei 13 anos ai... na rua da glória... a liberdade era o paraíso ahahahahaha

é um lugar muito bacana pra passear, até mesmo sem comprar nada... o difícil é conseguir essa proeza!

Ana Helena disse...

A Clá estudou 13 e eu 8 anos nesse colegio. Já cabulei muita aula dando rolezinho por lá, inclusive já fui encontrada e levada de volta...vergonhaaa hahahaha

:-)